Menina escreve carta a pedir emprego à Google. E recebe resposta

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (Sem votação)
Loading...

Chloe Bridgewater, uma menina de apenas sete anos, conseguiu aquilo que milhares de candidatos a um emprego nunca chegaram a ter: uma resposta direta do CEO à carta que escreveu à Google, e na qual pedia emprego.

Na carta, escrita à mão e divulgada através do LinkedIn pelo pai Andy Bridgewater, a menina dizia que, além da Google, “gostaria também de trabalhar numa fábrica de chocolates” ou “nadar nos próximos Jogos Olímpicos”. Como competências para um eventual cargo na gigante da eletrónica, Chloe dizia que “gostava de computadores” e que “tem um tablet onde joga muitos jogos”.

Este tom infantil e ingénuo não lhe chegou para que lhe fosse prometido um futuro cargo na empresa, mas foi o suficiente para que Sundar Pichai, CEO da Google, lhe respondesse através de uma outra carta (que pode ver na galeria acima), onde lhe dá a garantia que “se continuar a trabalhar arduamente e a perseguir os seus sonhos, conseguirá atingir qualquer objetivo que queira, seja ele trabalhar na Google ou nadar nos Jogos Olímpicos”.

A veracidade da correspondência já foi confirmada pelo Business Insider, que apurou também que o próximo objetivo da criança é conseguir aparecer nos telejornais, para divulgar o seu caso e pedir mais ajuda para conseguir fazer parte da equipa sediada em Silicon Valley.

loading...